quarta-feira, 30 de julho de 2014

5 ERVAS PARA QUEM QUER EMAGRECER:



Informações sobre ervas que ajudam no emagrecimento são divulgadas para quem quiser experimentar suas eficácias. A tradição do uso de ervas medicinais surgiu com os indígenas e é muito presente na cultura brasileira, mas, é importante que a utilização ocorra sem causar damos à saúde. Chás e garrafadas precisam ser tomados com cuidado.

Segundo alguns especialistas o preparo dos chás e garrafadas em casa é uma forma segura de consumo, desde que se tenha conhecimento das suas propriedades, sem correr o risco de intoxicação. Um procedimento importante é adquirir as ervas em lojas especializadas que garantam o manuseio e armazenamento correto das plantas. Confira então 5 ervas que auxiliam no processo de emagrecimento: a Bardana, a Cavalinha, o Dente de Leão, a Carqueja e o Chá Verde.
Princípios Ativos e Funções no Organismo

No processo de perda de peso as ervas podem se dividir de acordo com seus princípios ativos e funções no organismo:


Carqueja é uma das plantas que auxiliam a perder peso
Termogênicas (Carqueja e Chá Verde): elas fazem com que o metabolismo trabalhe mais rápido, aumentando a queima de calorias. Algumas quebram moléculas de gorduras já acumuladas no organismo e reduzem a taxa de colesterol;
Diuréticas (Cavalinha): evitam a retenção de líquidos, contribuindo com os rins na filtragem das impurezas para fora do organismo, o que facilita a eliminação das toxinas e diminui o inchaço.
Desintoxicantes (Bardana e Dente de Leão): capturam e eliminam pela urina a gordura e as toxinas do processo metabólico. Reduzem também a formação de gases;
Combinação das Ervas:

Um segredo para acelerar o metabolismo e perder aquela gordurinha indesejada é tomar de 3 a 4 xícaras de chá diariamente. Mas, é preciso saber fazer a combinação correta do princípio ativo de cada uma. Não use mais de três ervas. O interessante é usar uma combinação nova a cada três dias.
Preparo do Chá

O preparo correto do chá é importante para um bom resultado. Veja:

Coloque as ervas (uma colher de sopa de cada), exceto o chá verde (uma colher de sobremesa) em um recipiente de vidro, ou porcelana. Metais e inox interferem na qualidade do chá. Em uma vasilha a parte ferva 1 litro de água. Quando começar a ferver, jogue sobre as folhas e abafe por dez minutos. Beba quente, ou frio. Prepare somente a quantidade que irá consumir.

Não guarde.

segunda-feira, 28 de julho de 2014

BENEFÍCIOS DA MAÇÃ:



Originária da Ásia e da Europa, a maçã é muita apreciada pelos brasileiros e quem tem o hábito de comê-la está desfrutando de uma fruta rica em muitos aspectos. A maçã existe em grande variedade e todas ricas em nutrientes e substâncias que, segundo estudos realizados, comprovam que essa fruta traz benefícios à saúde de várias formas. Além de saborosa, ajuda a prevenir e combater doenças como o câncer e aqui no Brasil é encontrada facilmente nos supermercados durante todo o ano. Desta forma, quem consome essa fruta está se protegendo de forma bastante saudável.
Diminuição da taxa de Colesterol

“Quem come uma maçã por dia mantém o médico afastado”. Não é mito, acredite. Quem consome 400 ml de suco, ou come 2 maçãs por dia pode ter os níveis de LDL, que é o colesterol ruim, diminuído numa média de 20%.
Combate ao Câncer

Importante é comer a maçã sem descascar. Teste comprovados demonstraram que a ingestão da casca da fruta inibe o crescimento das células cancerígenas em até 43% e a polpa em até 29%.
Auxílio ao emagrecimento

A maçã é ótimo moderador de apetite. Ingerida 15 minutos antes das refeições a fruta é cinco vezes mais eficiente no controle da fome que um comprimido para inibir apetite. Com a vantagem de não precisar de receita médica, não ter efeitos colaterais e sair bem mais em conta.
Nutrientes da Maçã

Além de ser rica em vitaminas e minerais, a maçã contém substâncias antioxidantes que retardam o envelhecimento. Tem baixa caloria, reduz o risco de doenças cardiovasculares e prisão de ventre e é uma escova de dente natural. Cada maçã contém:


Maçã e seus benefícios
Carboidratos
Cálcio
Proteínas
Fibras
Fósforo
Manganês
Ferro
Lipídeos
Potássio
Cobre
Zinco
Enxofre
Fitoserol
Vitamina A
Vitamina C
Tiamina B1
Riboflavina B2

domingo, 27 de julho de 2014

14 CHÁS SAUDÁVEIS!!!


Compare os nutrientes e os benefícios de 14 chás
Os benefícios são diversos, desde melhorar a digestão até ajudar no controle do diabetes


POR LETÍCIA GONÇALVES




Chás quentinhos são muito bem-vindos quando o termômetros despencam. Para aproveitar as vantagens terapêuticas que eles fornecem, no entanto, é preciso saber a forma correta de preparo. "Desligue o fogo assim que a água começar a ferver e acrescente duas colheres de sopa para um litro ou duas colheres de chá para cada 250 ml. Abafe por três a cinco minutos e coe", explica a nutricionista Flávia Cyfer, do Rio de Janeiro. Ela ainda aconselha a armazenar sempre na geladeira ou na garrafa térmica e jamais reaquecer a bebida, porque parte de suas propriedades serão perdidas. Confira abaixo os benefícios de 14 chás diferentes e escolha o seu preferido!





Capim cidreira
Essa erva é aliada do sistema digestivo e ainda ajuda a aliviar gases. "É um chá ótimo para ser tomado depois das refeições por pessoas que tem problemas de digestão", conta a nutricionista Flávia Cyfer. A nutricionista Bruna Murta, da Rede Mundo Verde, também lembra que esse chá serve de calmante, como se fosse um sedativo natural.


Camomila
Também de ação calmante, a camomila é boa para combater ansiedade einsônia e tem sido muito usada para aliviar a enxaqueca. "Essa opção é muito indicada no período da TPM, já que ajuda a amenizar cólicas, além da ação calmante", conta a nutricionista Bruna Murta. A nutricionista Flávia Cyfer dá outra dica: "A pessoa que quiser dormir melhor à noite pode misturar uma colher de camomila e outra de erva cidreira, para um efeito sedativo melhor".


Hortelã
Essa folhinha de aroma revigorante serve como antiparasita e antifúngica, ou seja, ajuda a matar bactérias ruins, principalmente do intestino, e auxilia pessoas que estão com complicações de gases. A nutricionista Bruna Murta acrescenta que ela é ótima para melhorar a digestão, combatendo azias.


Alecrim
"É um digestivo excelente, melhor ainda do que a hortelã", conta a nutricionista Bruna Murta. O alecrim também é muito usado para ajudar pessoas que querem controlar o peso, pois aumenta a sensação de saciedade.

De acordo com a nutricionista Flávia Cyfer, esse chá ainda tem ações antipasmódica e anti-inflamatória - boas para cólica renal e menstrual -, ação antifúngica - ótima para ajudar a mandar embora o fungo cândida do organismo - e ação desintoxicante. "É um verdadeiro tônico para o fígado", comenta a profissional.


Erva doce
O aroma dessa erva é muito usado como forma de relaxante. O chá, além de propiciar esse benefício, também ajuda no combate a cólicas e gases, além de melhorar a digestão.


Chá mate
Preferido de muitos, o chá mate tem ação termogênica e antioxidante, bom para acelerar o metabolismo e evitar o envelhecimento precoce. É preciso um cuidado, apenas, com o seu poder estimulante, por conter cafeína. "Pessoas com hipertensão precisam evitar exageros, porque o chá mate aumenta a circulação e ainda pode irritar ainda mais a parede do estômago de quem tem gastrite", lembra a nutricionista Bruna Murta.


Chá de canela
A canela pode ser uma ótima aliada no controle de diabetes. A nutricionista Bruna Murta explica que ela ajuda na redução da glicemia, regulando o açúcar no sangue. Além disso, a nutricionista Flávia Cyfer lembra que ela ajuda a diminuir a vontade de comer doces e melhora a circulação.

Um estudo, realizado pelo Kansas State University, nos Estados Unidos, constatou que consumir meia colher de sopa por dia de canela ajuda a regular o colesterol. Os pesquisadores acreditam que tal redução é resultado da ação dos antioxidantes, que ajudariam a eliminar parte da gordura ruim que ingerimos com maior rapidez.


Chá verde
Esse é mais um chá campeão. "É desintoxicante, ajuda a fortalecer o sistema imunológico, previne problemas cardiovasculares por controlar o colesterol e ainda tem vários princípios ativos que ajudam na prevenção do câncer", afirma a nutricionista Bruna Murta.

Flávia Cyfer complementa as vantagens dessa bebida: ajuda a combater cáries - basta fazer bochechos com ela - e serve de protetor solar interno, ajudando a proteger a pele contra raios ultravioletas. Tomar o chá, no entanto, não dispensa o uso do protetor solar externo.

O chá verde também é muito famoso pela ação termogênica, ou seja, acelera o metabolismo na queima de gorduras e pode contribuir para quem quer perder os quilos extras. Mas vale lembrar que a bebida não é milagrosa e nem ajuda a emagrecer sozinha - sempre é preciso aliar uma dieta equilibrada com exercícios físicos.


Chá de hibisco
Segundo a nutricionista Flávia Cyfer, o hibisco ajuda no controle docolesterol e é muito diurético, capaz de fazer uma varredura de toxinas no organismo. "Ele ajuda a eliminar gordura e pode ser uma boa opção para hipertensos, porque tem menos cafeína que o chá verde, mas benefícios semelhantes", conta a profissional.

A nutricionista Bruna Murta explica que o fator que torna o chá de hibisco aliado do combate ao excesso de peso é a ação anti-inflamatória. "A bebida ajuda a diminuir a inflamação da obesidade, que é considerada um estado inflamatório do corpo", afirma.


Chá de gengibre
"O gengibre é um dos melhores anti-inflamatório que temos na natureza", diz a nutricionista Flávia Cyfer. Ele também atua no sistema digestivo contra cólicas e gases e ajuda no combate à celulite, tão indesejada pelas mulheres. A nutricionista ainda indica esse chá para combater enjoos e náuseas, principalmente emgestantes, que não podem usar muitos remédios durante a fase da gestação.


Chá de limão
Além de a fruta ser rica em vitamina C, a nutricionista Flávia Cyfer conta que ela tem ação alcalinizante, ou seja, ajuda a deixar o pH do sangue dentro do nível alcalino, que é como ele deve ficar. "Com esse nível estabilizado, não há perda desnecessária de nutrientes e todos os sistemas do corpo atuam da forma correta, garantindo saúde plena", diz a profissional.

O conselho de Flávia é fazer o chá junto com a casca, porque ela tem uma ação muito forte de desintoxicação do organismo.


Maracujá
O maracujá já é famoso por ajudar a acalmar os nervos. As nutricionistas indicam esse chá para combater ansiedade, estresse, insônia, irritação e agitação.


Maçã
A fruta também tem ação calmante, além de ótima para ajudar na digestão. A nutricionista Flávia Cyfer também indica que ela é diurética, com efeito laxante.


Chá de alfazema
Mais um chá que ajuda a aliviar cólicas. De propriedade calmante e bactericida, a alfazema também é muito usada para amenizar dores de cabeça.

terça-feira, 22 de julho de 2014

ENDURECEDOR CASEIRO PARA UNHAS QUEBRADIÇAS:


Endurecedor caseiro para as nossas unhas

Para resolver o problema do enfraquecimentos das unas, é imprescindível o uso de um fortalecedor. O tratamento que vamos te recomendar é talvez o mais efetivo, é composto por elementos naturais como o alho ou o limão, mas a chave da sua magnífica eficácia está nas cápsulas de vitamina E que vamos precisar. Porém não se preocupe, você pode consegui-las facilmente na farmácia e te serão muito úteis. De fato, só precisamos de uma cápsula.
Remédios para as unhas muito frágeis



Esta fórmula tão simples e efetiva, é útil para aqueles casos mais acentuados, para os casos em que por motivos de saúde e falta devitaminas, temos as unhas especialmente fracas.
O que precisamos?
3 dentes de alho descascados.
20 gotas de suco de limão
Uma cápsula de vitamina E
Esmalte de unhas: um brilho natural
O que temos que fazer?
Muito fácil. O primeiro que vamos fazer é introduzir a cápsula de vitamina E dentro do frasco de esmalte de unhas. Você precisa somente espetar com uma agulha na cápsula e derramar a substância com cuidado dentro do frasco de esmalte. A cápsula de vitamina E você poderá adquirir nas farmácias, e no nosso caso só vamos precisar de uma. Ao colocá-la no nosso esmalte você irá conseguir adicionar nele essa imprescindível vitamina para oferecer saúde e fortalecer as unhas.
O passo seguinte, você vai se concentrar nos três dentes de alho. Por que alhos? Você se perguntará! O alho se lança como um dos melhores ingredientes naturais para fortalecer as unhas, combates sua fragilidade, assim como as bactérias e amicoses. O que faremos é colocar estes três dentes de alho de molho durante 15 minutos em água quente. Uma vez estando em uma temperatura moderada, começaremos a amassá-lo bastante até obter uma pasta bem homogênea.
Uma vez pronto e obtida uma pasta, a colocaremos também dentro do frasquinho de esmalte de unhas. O mais eficiente, sem dúvida, é que você consiga um funil pequeno daqueles que se utilizam para manipular essências e perfumes.
O passo seguinte será obter o suco de limão. Só precisaremos de 20 gotinhas. Por que o limão é bom para as unhas? Principalmente pelas suas vitaminas, pelo seus ácidos antioxidantes que combatem as debilidades na estrutura da própria unha e a vai restaurando pouco a pouco. Uma vez obtido osuco, coloque as vinte gotinhas dentro do frasco de esmalte.
Excelente, já está pronto. Como você pode ver, conseguimos obter uma mistura endurecedora para o seu esmalte de unhas, dotada de grandes vitaminas. Agita sempre antes de aplicar. É muito eficiente e útil para endurecer, curar e proporcionar saúde que precisamos para ir melhorando dia a dia as unhas.
Este esmalte o usaremos pelo menos durante um mês. A cada três dias o retiramos para dar um pouco de descanso às unhas durante um dia. No dia que não usarmos o esmalte, faremos uma pequena massagem em cada unha com uma mistura de azeite de oliva e óleo de amêndoas. Basta uma colherzinha de cada um. Umedecemos bem com algodão e vamos esfregando em cada unha com essa mistura ideal que também nos ajudará a regenerar as unhas. Lembre-se, três dias com o esmalte enriquecido, e um de descanso com o tratamento à base de azeites.

segunda-feira, 21 de julho de 2014

ACEROLA, UMA FRUTA MUITO SAUDÁVEL:


A Acerola (Malpighia emarginata DC).

É originária das Antilhas, comumente conhecida como uma excelente fonte natural de vitamina C (ácido ascórbico) e é bem apreciada especialmente pelos adeptos da dieta saudável.

Além da vitamina C em abundância, essa fruta oferece carotenóides e polifenóis. A partir de agora, será ingrediente de sucos e refrescos daqueles que buscam emagrecer e ter uma boa saúde.

Edição e imagens: Thoth3126@gmail.com

SUCO DE ACEROLA É SAUDÁVEL, REFRESCA E AJUDA A EMAGRECER

http://veja.abril.com.br/

Qualidade de vida é uma das grandes metas do homem e da mulher modernos – 20 de fevereiro de 2014

A obesidade é uma doença metabólica e inflamatória, e é caracterizada pelo aumento de substâncias pró-inflamatórias, secretadas pelos adipócitos (células de gordura). Essas substâncias pró-inflamatórias podem levar ao aumento da pressão arterial, resistência à insulina, resultando em doenças cardiovasculares, diabetes e até alguns tipos de cânceres.

Nos últimos anos, muitos compostos bioativos das frutas foram isolados, mostrando efeitos anti-inflamatórios. Esses componentes benéficos têm mostrado resultado positivo na proteção da saúde, especialmente contra doenças relacionadas ao estilo de vida moderno.



Um estudo brasileiro recém publicado (04 de fevereiro de 2014), pelos pesquisadores DIAS,F.M, LEFFA, D.D e colaboradores, mostrou que a acerola, protege as proteínas envolvidas na reações de lipólise (favorecendo a perda de gordura corporal) e ajuda a reduzir a inflamação do organismo.

A pesquisa foi publicada na revista Lipids in Health and Disease, os pesquisadores observaram os resultados em ratos, durante o período de quatro semanas. O estudo mostrou que o consumo de suco de acerola reduziu o nível de proteínas inflamatórias (TNFα) e aumentou a lipólise (quebra de gordura) nos ratos avaliados que receberam uma dieta altamente calórica.

Os pesquisadores concluíram que o suco de acerola pode prevenir o ganho de peso (considerando o peso corporal e quantidade de gordura corporal), como também ajudar no controle da Dislipidemia (considerando melhora dos níveis de triglicerideos), como também reduzir a inflamação do organismo. É importante lembrar que novos estudos ainda são necessários para entender melhor os mecanismos envolvidos nos efeitos benéficos associados com o consumo do suco de acerola.


A acerola (Malpighia emarginata ou Malpighia glabra), também conhecida popularmente como cereja-das-antilhas ou cereja-de-barbados, tem origem nas Antilhas, América Central e norte da América do Sul. Pertence à família das Malpighiaceae. No Brasil, o cultivo de acerolas teve um forte crescimento nos últimos vinte anos, sendo hoje uma importante cultura da Região Nordeste, com destaque principalmente na agroindústria de polpa de fruta congelada. Sua superfície é lisa ou dividida em três gomos. Possui três sementes no seu interior. O sabor do fruto é levemente ácido e o perfume é semelhante ao da maçã. Possui vitaminas A, B1 (tiamina), B2 (riboflavina), B3 (niacina), cálcio, fósforo, ferro e, principalmente, vitamina C, que, em algumas variedades, chega a estar presente em até 5 gramas por 100 gramas de polpa. Este valor chega a ser oitenta vezes superior ao da laranja e ao do limão.

Esse efeito anti-inflamatório observado da ingestão do suco de acerola, pode ser atribuído à composição da fruta (polifenóis e vitamina C).Valor NutricionalCada 100 gramas de acerola oferece em média *:-Energia – 35 calorias-Carboidratos - 7,6 gramas-Proteínas - 0,4 gramas-Gorduras - 0,3 gramas-Vitamina C – 1.677 mg-Vitamina A – 230 µg RE*Fonte: Tabela para Avaliação de Consumo Alimentar em Medidas Caseiras. 5ª Ed. 2004

Uso da acerola

A acerola é mais consumida na forma de suco (polpa congelada ou crua), pois in natura é muito ácida e de difícil aceitação. Nos dias mais quentes, tomar suco é uma maneira saudável de se refrescar. No preparo caseiro, a fruta deve ser misturada com duas a três partes de água e batida no liquidificador. Com esse calor, que tal um suco refrescante de acerola? Tome com moderação, sem culpa, fique mais saudável e ainda emagreça.

Permitida a reprodução, desde que mantido no formato original e mencione as fontes.

www.thoth3126.com.br

sábado, 12 de julho de 2014

SUCO PARA PREVENIR OSTEOPOROSE:


A osteoporose uma doença óssea caracterizada pelo enfraquecimento dos ossos, devido à perda de massa óssea. É como se os ossos fossem ficando porosos e, por isso, menos resistentes. O problema é duas vezes mais comum em mulheres do que em homens e ocorre geralmente após os 50 anos. Ela progride lentamente e raramente apresenta sintomas, até que aconteçam fraturas espontâneas. Se não forem feitos exames diagnósticos preventivos a osteoporose pode passar despercebida, até que se torne mais grave (Adaptado da Wikipedia).

A receita abaixo é ótima para prevenir a osteoporose, pois contém alto teor de cálcio. Se você é mulher e tem mais de 50 anos, vale a pena aposta neste suco e, claro, visitar um médico periodicamente.


As amêndoas fortificam os ossos
Você vai precisar de:
1 xícara (chá) de água de coco
1 colher (sopa) de leite de soja em pó
2 cenouras pequenas picadas
3 amêndoas
Modo de Preparo:

Primeiramente, coloque a água de coco e o leite de soja no liquidificador e bata até ficar homogêneo. Depois acrescente os demais ingredientes e bata novamente para que as cenouras fiquem totalmente trituradas. Beba em seguida.
Posologia

Tomar 1 porção do suco 3 vezes por semana.

domingo, 6 de julho de 2014

FARINHA DE MARACUJÁ É A MELHOR AMIGA DA DIETA!!!



Por Carolina Mouta |


Farinha de maracujá é a melhor amiga da dietaQue o maracujá é uma delícia, todo mundo sabe. Mas o que pouca gente conhece é a sua porção "amiga da dieta". Isso mesmo! A nutricionista da rede de academias Alta Energia, Maria Andrezza Carmo de Abreu Fernandes, explica que a casca fruta dá origem a uma farinha que tem sido muito falada nos últimos anos por conter substâncias emagrecedoras, baixar taxas de açúcar no sangue e também por ser um ótimo bloqueador de gordura, pois impede ou interrompe a absorção da gordura presente nos alimentos, levando à perda de peso. Além disso, ela também faz uma faxina no organismo, equilibrando o metabolismo do corpo.


Farinha de maracujá é a melhor amiga da dietaA substância responsável por esse efeito é a pectina, uma fibra encontrada em grande quantidade na parte branca da entrecasca do maracujá. A farinha, contém 20 % desta fibra. "No estômago a pectina se transforma em um gel não digerível, proporcionando a sensação de saciedade. Dessa forma, mais satisfeita, você consegue diminuir a ingestão de comida se sentindo bem alimentada com uma porção menor de alimento e a sensação de saciedade é prolongada", observa Maria Andrezza. A pectina também ajuda a reduzir a ação do colesterol, pois se liga à gordura, fazendo com que ela seja eliminada no final da digestão.

E, por falar em digestão, as fibras dão uma mãozinha e tanto no processo. Além disso, elas servem de alimento para as bactérias boas presentes na flora intestinal. Mas nem só de fibras vive o ser humano! É bom lembrar que, numa dieta onde a ingestão delas é elevada, a água deve ser a principal aliada. Ela faz com que o intestino funcione bem, para que se alcance todos os benefícios que a fibra proporciona ao organismo. Caso contrario poderemos ter uma constipação intestinal.

Entre os nutrientes encontrados na farinha de maracujá estão quatro que merecem destaque: a niacina (vitamina B3), que auxilia na produção de hormônios, melhora a ansiedade, ajuda no crescimento das crianças e protege as paredes do estômago; o ferro, que ajuda na prevenção da anemia e dá energia; o cálcio, queridinho dos ossos e dentes e o fósforo, que dá um up na memória, atua na oxigenação das células e na circulação.


Farinha de maracujá é a melhor amiga da dietaPara quem se animou e quer mesmo colher os benefícios da farinha de maracujá, a indicação é de uma a duas colheres de sopa, diariamente, nas principais refeições (almoço e jantar). "Assim, estaríamos auxiliando a lentificar a absorção da glicose e retardando a entrada no açúcar na célula após as grandes refeições", pontua a nutricionista. No entanto, é necessário ter acompanhamento profissional para esse tratamento.

A farinha de maracujá também pode ser polvilhada em sobremesas, dissolvida em sucos, batida com frutas e iogurtes. tamanha versatilidade só tem um adendo: jamais a leve ao fogo. "A exposição ao calor pode alterar sua estrutura e seu valor nutricional", alerta Maria Andrezza.

A especialista ressalta que uma informação nova e importante é que a casca do maracujá é rica em crisina. "A crisina apresenta atividade fitoestrogênica, antioxidante e ansiolítica. Considerada uma isoflavona anabólica, pelo seu efeito antiestrógeno, impedindo a conversão da testosterona em estrogênios. Junto com a redução dos níveis de testosterona, a conversão pode causar sintomas irritantes, como ocorre com alto índice de estrogênios, como o surgimento de mamilos sensíveis ou mudanças nos órgãos masculinos", diz.

A crisina é, por isso, utilizada juntamente com os precursores ou os estimuladores da testosterona como o extrato de Tribulus terrestris, ou, ainda, o DHEA (dehidroepiandrosterona) para inibir o processo nocivo de transformação da testosterona em estrogênios associados ao envelhecimento e à feminização dos homens. "Ela também possui alto potencial antioxidante, o que tem sido demonstrado através da sua habilidade para inibir a xantina oxidase e consequentemente suprime a formação de ácido úrico e de certas espécies reativas de oxigênio. A crisina também pode inibir, sob certas condições, a peroxidação lipídica", esclarece Maria Andrezza.

Segundo a nutricionista, atletas e body-builders utilizam a crisina para alcançar resultados mais expressivos. Os indivíduos que apenas pretendem o aumento da sua testosterona e a redução dos estrogênios, adaptam o uso da crisina em função dos resultados obtidos. "A crisina presente na farinha do maracujá aumenta o efeito catabólico do exercício se associada a alimentos com vegetais crucíferos como brócolis, couve-flor, couve-de-bruxelas ou couve", finaliza.