segunda-feira, 15 de setembro de 2014

CHÁ ANTIBIÓTICO:

Quando dizemos que algo tem função bactericida ou antibiótica, isso significa que essa substância tem a capacidade de inibir o desenvolvimento ou combater as bactérias. Como sabemos, diversas doenças são causadas pela presença desses microrganismo em nosso corpo, como é o caso de boa parte das infecções.

Existem na natureza vários antibióticos naturais: alho, vinagre, limão, cebola, eucalipto, mel, chá verde, dentre outros. Por essa razão, a receita de chá que ensinamos a seguir é ótima para combater dores de garganta, sinusite e outras infecções. Por combinar diferentes ingredientes com potencial bactericida, a mistura ajuda o organismo a combater as bactérias. Aprenda a preparar.


Chá Antibiótico
Você vai precisar de:
4 dentes de alho
1 pedaço pequeno de gengibre picado ou ralado
1 limão
2 colheres (sopa) de mel de eucalipto
1/2 litro de água
Modo de Preparo:

Coloque a água, o gengibre e o alho para ferver em uma panela por cerca de 10 minutos. Depois desse tempo, desligue o fogo, coloque 1/2 limão cortado em rodelas e abafe por 5 minutos. Em uma caneca, esprema a metade restante do limão e adicione as duas colheres de mel. Ponha uma peneira na boca da caneca e coe o chá feito com o gengibre, o alho e o limão ainda quente. Misture tudo e tome em seguida.
Posologia

Tomar o chá duas vezes ao dia, preferencialmente pela manhã e à noite, enquanto durarem os sintomas da infecção. Cuidado: a receita não deve ser consumida por diabéticos. Quem sofre com a doença deve preparar o chá sem mel.

quinta-feira, 4 de setembro de 2014

CONHEÇA AS 7 FRUTAS OBRIGATÓRIAS:


Conheça a melhor fruta para emagrecer, reduzir o colesterol e a pressão alta
Veja as melhores aliadas para tratar o diabetes, prevenir a azia, entre outros problemas


POR NATHALIE AYRES




O consumo de frutas é muito importante para uma alimentação equilibrada. Quanto maior a variedade delas, melhor para a nossa saúde, já que suas diferentes cores garantem uma quantidade maior e mais variada de fitoquímicos, elementos que fazem bem para a nossa saúde. "As frutas possuem cores diferentes, pois tem vitaminas e minerais em diferentes quantidades", explica o nutricionista Israel Adolfo. Porém, essas propriedades variadas garantem efeitos específicos em alguns casos, o que faz com que algumas frutas sejam muito importantes para o dia a dia. O ideal é consumir de três a cinco porções diárias para obter a quantidade de vitaminas, nutrientes e fibras que o organismo necessita para funcionar. Mas já que a ideia é otimizar os benefícios dessa turma para a sua saúde e para a dieta, está na hora de fazer as escolhas certas. Veja que frutas você não pode deixar de incluir no cardápio, de acordo com a necessidade:



Maçã para dar saciedade e reduzir o inchaço

A chave para o emagrecimento está em reduzir as calorias ingeridas e aumentar as gastas. Para ter sucesso na primeira empreitada, aumentar a saciedade é essencial, e as frutas em sua maioria oferecem essa característica. "Todas são muitos importantes no processo de diminuição da gordura corporal, pois são ricas em fibras e proporcional uma grande oportunidade de mastigar. Para isso, índico frutas mais duras, como a maçã", classifica o nutricionista Israel Adolfo.

Para completar o combo, a mação oferece outras vantagens, como a presença de pectina. "Esse é um tipo de fibra solúvel que se transforma em gel no estômago e arrasta a gordura para fora do organismo", ensina a nutricionista e clínica Daniela Jobst, membro do Centro Brasileiro de Nutrição Funcional no Brasil. Suas fibras insolúveis da casca ficam no estômago por mais tempo, retardando mais ainda a fome. E fechando o currículo da fruta, ela ainda tem uma boa quantidade de potássio, nutriente que elimina o sódio extra do corpo, reduzindo a retenção de líquidos e, com ele, parte do inchaço.

Abacate para reduzir o colesterol

Essa fruta é rica em gordura monoinsaturada, aquela considerada amiga do nosso organismo. "O ácido oleico, a mesma gordura do azeite de oliva, protege os vasos sanguíneos e o coração contra infartos, tromboses, entupimento das veias, doenças cardíacas e bloqueia a ação do LDL, chamado de colesterol ruim", explica a nutricionista Daniela. Por isso, o consumo regular do abacate reduz os níveis de colesterol total e eleva os de HDL, o chamado colesterol bom. Mas vale um alerta, já que a fruta tem muitas calorias. "Para apresentar apenas os benefícios, deve ser consumida na quantidade de uma colher de sopa ao dia", ressalta Israel Adolfo. E nada de consumi-lo com açúcar, prefira o cacau em pó se há necessidade de incrementar o gosto, como sugere a nutricionista clínica Nicole Trevisan.

Banana para diminuir a queimação

A banana, principalmente quando está verde, tem substâncias que protegem as paredes estomacais, favorecendo quem sofre com gastrite e azia. "Um estudo preliminar cita que a fruta possui um flavonoide conhecido como leucocianidina, que previne contra o desenvolvimento de úlceras estomacais", explica o nutricionista Israel Adolfo. Além disso, antes de amadurecer ela tem mais amido, que é digerido primeiramente na boca, o que faz com que o estômago produza menos ácido para efetuar a digestão e irrite menos as paredes estomacais, como ressalta Daniela Jobst. Com o processo de maturação, esse amido vai se convertendo em frutose. Mas é preciso cuidado com um tipo em específico. "A banana nanica é ácida, não sendo indicada para quem tem gastrite", alerta a nutricionista Nicole Trevisan.

Limão para quem tem diabetes

A maior parte dos benefícios da fruta é voltada para a saúde do coração, que não deixa de ser prejudicada quando a pessoa tem diabetes, já que a alta da glicose no sangue desgasta e prejudica as artérias e veias. "A alta concentração de ácido nicotínico no limão protege as artérias, prevenindo problemas cardiovasculares, uma tendência para quem tem a doença. O alimento também diminui a viscosidade do sangue, o que é essencial, uma vez que, junto com o diabetes, existem alterações que predispõe a um maior risco de trombose", ensina a nutricionista Daniela Jobst.

Ele também evita hemorragias, devido à presença de ácido cítrico e ácido ascórbico, o que é vantajoso ao paciente com diabetes devido a sua dificuldade de cicatrização. Por fim, a parte branca do limão e a casca também contém pectina, "quando ela é dissolvida em água, produz uma massa viscosa que auxilia no trânsito intestinal e na saciedade, retardando a absorção dos açúcares", desvenda Nicole Trevisan. Isso evita picos glicêmicos, inimigos de quem tem diabetes.

Uva para proteger o envelhecimento celular

Frutas de cores avermelhadas são ricas em antioxidantes. "Eles são compostos necessários para neutralizar os radicais livres, evitando assim que reajam com alguma célula e as destruam. Eles são naturalmente formados em nosso organismo nas reações metabólicas habituais e em situações como estresse, consumo de álcool, tabagismo, entre outros", define Israel Adolfo. Normalmente, os radicais livres são causadores de lesões nas células e tecidos, o que pode provocar diversas doenças à longo prazo. A uva é uma fruta rica em antioxidantes, principalmente na casca e na semente. "As pró-antocianidinas, presente nas cascas e sementes da fruta, são considerados super antioxidante, 20 vezes mais potente que a vitamina C e 50 vezes mais que a vitamina E", explica a nutricionista Daniela Jobst.

Acerola para aumentar a imunidade

A laranja que nos perdoe, mas não há fruta com mais vitamina C do que a acerola. De acordo com a Tabela Brasileira de Composição dos Alimentos (TACO) da Unicamp, uma laranja tem cerca de 57 mg de vitamina C, contra 104 mg, aproximadamente, de uma única acerola. E o nutriente é muito importante para o sistema imunológico, pois participa da produção das células de defesa do organismo além de modular o funcionamento da nossa proteção natural. "Encontramos vários artigos que ressaltam a importância desta vitamina no aumento e manutenção da atividade de células do sistema imunológico, como, por exemplo, os mastócitos e macrófagos", considera o nutricionista Israel Adolfo.

Morango para blindar o coração

Um estudo conduzido pela Harvard School of Public Health em Boston (Estados Unidos) em 2013 demonstrou que mulheres que consumiam morangos e mirtilos tinham menos chances de infartos do miocárdio. A grande responsável pelo benefício é uma substância chamada antocianina, presente em frutas de coloração vermelha e azul. "Ele também ajuda a reduzir a pressão graças à procianidina", acrescenta Daniela Jobst, nutricionista funcional a clínica.

quarta-feira, 3 de setembro de 2014

PESQUISA MOSTRA AVELÓS COM POTENCIAL PARA COMBATER AIDS E CÂNCER:



Reportagem do Jornal Valor Econômico:

Planta avelós pode ser vetor para a cura da aids e do Câncer

Uma pesquisa que testa a eficácia de uma planta muito conhecida no Nordeste, o avelós, está dando bons indícios para a cura da aids. O estudo, liderado pelo farmacêutico Luiz Pianowski, avançará para uma próxima etapa de testes em macacos resos.

O curioso é que a pesquisa é financiada pelo empresário cearense Everardo Ferreira Telles, ex-dono da Ypióca, marca de cachaça que foi vendida para um grupo inglês. "Ouvi vários relatos de pessoas do Nordeste que foram curadas pelo avelós. Decidi encarar esse desafio e financiar as pesquisas", disse o empresário ao jornal Valor, que criou a empresa Amazônia Medicamentos para investir em pesquisas da área.


É muito comum no norte e nordeste a venda da garrafada de avelós (Euphorbia tirucalli), nativa da África do Sul e que lembra um cacto. O empresário contratou o farmacêutico Luiz Pianowski, que começou a pesquisa com foco no combate ao câncer, mas depois percebeu a eficácia no tratamento da aids e da dor crônica. O pesquisador também contou com a parceria de diversos cientistas de universidades e hospitais.

Para a pesquisa da ação do medicamento contra o vírus do HIV, os pesquisadores perceberam que uma substância extraída da planta, o ingenol, desloca o vírus de dentro da célula e a mata. Assim, o vírus fica vulnerável à ação dos antirretrovirais. "Os atuais tratamentos só agem matando o vírus quando ele se multiplica e sai da célula invadida para entrar em outras", disse Pianowski.

Muitas substâncias já foram testadas para a extração do vírus da célula, mas todas foram consideradas com alta toxicidade. Já o AM12, como foi apelidada a substância da avelós, demonstrou ser de pouco efeito tóxico.

O estudo também contou com a participação da empresa norte-americana Bioqual e o Instituto Johns Hopkins, na condução dos testes em animais. Passando a fase destes testes, o AM12, se comprovada a baixa toxicidade, será testado em humanos. "A Bioqual fará os experimentos em macacos. Vai providenciar macacos infectados pelo HIV e em tratamento antirretroviral, administrar a nova droga em conjunto com o coquetel, além de monitorar os animais. Amostras de sangue serão coletadas semanalmente e uma pequena quantidade será mandada para nós aqui no Hopkins para algumas avaliações", afirmou Lúcio Gama, professor do Departamento de Patobiologia Molecular e Comparada da Escola de Medicina do Instituto Johns Hopkins, EUA. DE quatro a seis meses, os resultados serão divulgados.

Câncer e dor
O AM10 (para o combate ao câncer) e o AM11 (para a dor), experiências que utilizam o avelós, estão ainda mais adiantadas que o AM12 para a Aids.
No caso do câncer, alguns testes toxicológicos foram feitos em cães e ratos com sucesso. Alguns pacientes do Hospital Albert Einstein também passaram pelos testes da fase 1. Não houve toxidade que pudesse lesionar algum órgão como rins ou fígado. Quatro pacientes realizaram os testes na fase 2, mas os estudos foram paralisados e deverão ser feitos com moléculas isoladas.
Já o AM11 para a dor será testado em humanos a partir de janeiro de 2013, na Alemanha. O farmacêutico destaca o efeito analgésico da substância com pacientes com dores provocadas pelo câncer.

Fonte: Valor Econômico – 5/12/2012

O que dizem os livros de plantas medicinais (RESUMO):

O avelós (Euphorbia tirucalli), planta muito comum no Nordeste do Brasil, tem propriedades anticarcinogênicas, antiasmáticas, antiespasmódicas, antibióticas, antibacterianas, antiviróticas, fungicidas e expectorantes. Também é purgativo e anti-sifilítico.

A parte usada da planta é o látex, que quando puro irrita a pele e os olhos (por isso deve-se manter o avelós longe de crianças e animais), mas dissolvido em água o látex é indicado para tratamento de tumores cancerosos e pré-cancerosos.

O látex puro é perigoso para os olhos, podendo até cegar, e também pode provocar hemorragia.

Mais sobre o avelós (vídeos no Youtube):

http://www.youtube.com/watch?v=qH7EMg4bYbo

http://www.youtube.com/watch?v=vbtpnIsjr3A

- See more at: http://www.curapelanatureza.com.br/2013/10/pesquisa-mostra-avelos-com-potencial.html#sthash.js1LUsnq.dpuf

sexta-feira, 29 de agosto de 2014

ALIMENTOS QUE FAZEM BEM PARA A MEMÓRIA


Onde eu coloquei as chaves? O que é que eu vim comprar no supermercado mesmo? Se você anda meio esquecido, essas perguntas ou outras semelhantes já devem ter lhe ocorrido nos últimos tempos. Na verdade, é normal que o nosso cérebro falhe. Afinal, temos guardado uma quantidade impressionante de informações. Já parou para pensar na quantidade de senhas que temos que saber somente para acessar páginas na internet? O disco rígido vai ficando super lotado e tender a dar pane. Mas existem alguns alimentos que estimulam as funções cerebrais e ajudam a evitar esses pequenos esquecimentos do dia-a-dia. Veja a lista:
Quinoa

Uma das causa para as falhas de memória é a falta de ômega 3. Em nossa alimentação, dificilmente encontramos essa gordura essencial. Por isso, é sempre importante buscar ingredientes que contenham boas quantidades da substância. Uma das opções é quinoa, que além de aumentar a concentração e melhorar a memória também é ótima para os cabelos, pele e unhas.
Salmão


Salmão

Outra excelente fonte de ômega 3 é o salmão. Mas se o dinheiro está curto, outros peixes de água fria, como a sardinha, também são ricos na gordura boa. Outra boa notícia sobre os peixes é que eles podem melhorar o humor e evitar o aparecimento de doenças do coração. Segundo nutricionistas, o ideal é que comamos peixe pelo menos 1 vez por semana, em substituição a outras carnes.
Morangos

O morango não contém ômega 3, mas é fonte de uma substância importante para o cérebro: a fisetina. Estudos recentes mostram que ela induz a diferenciação das células nervosas, melhorando as funções cognitivas e estimulando a memória. Outro alimento fonte de fisetina é o tomate, que, para nossa sorte, está bem presente na alimentação de quase todos os brasileiros.
Fígado

Muita gente torce o nariz para a carne de fígado, mas ela é a principal fonte de um nutriente essencial: a vitamina B12. Ela está diretamente relacionada ao bom funcionamento do sistema nervosos como um todo, além de atuar na prevenção de derrames. As ostras, o leite e outros tipos de carne também são ricos em B12. Por isso, esses alimentos não podem faltar em uma dieta balanceada.

terça-feira, 26 de agosto de 2014

BENEFÍCIOS DO GRÃO DE BICO


O grão de bico é um alimento pouco consumido aqui no Brasil, talvez por falta de conhecimento sobre os seus benefícios. Essa leguminosa, próxima ao feijão, conta com vários nutrientes fundamentais para a nossa saúde, além de conter substâncias que melhoram o humor e aliviam os sintomas da menopausa. Por isso, apesar um custar um pouco mais caro que o feijão, vale a pena incluir o grão de bico no cardápio.


Grão de Bico
Os Nutrientes do Grão de Bico

Quando o assunto é nutrientes, o grão de bico é um alimento completo. Sua casca contém alto teor de fibras do tipo solúvel, que melhoram a digestão e reduzem a fome. A leguminosa ainda contém proteínas, carboidratos, ferro, cálcio, magnésio, fósforo, potássio e vitaminas do complexo B. Apesar de conter pouca quantidade de gorduras, elas são benéficas para o organismo (ômega 6 e ômega 9). Outra vantagem é que o ferro e as proteínas encontradas no grão de bico são mais facilmente absorvidas pelo organismo que em outras leguminosas.
Chega de Depressão

Por causa desses nutrientes e outras substâncias benéficas, o grão de bico vem sendo estudado em centros de pesquisa do mundo todo, com ótimos resultados. Algo que chama a atenção é alta quantidade de triptofanos. Essa substância é responsável pela produção de um neurotransmissor conhecido como serotonina, que ativa no cérebro as sensações de confiança, satisfação e bem estar. Por isso, a ingestão da leguminosa é ótima para melhorar o humor e combater a depressão.
Como Comer?

Uma dica para quem pretende incluir o grão de bico nas refeições é sempre colocar a leguminosa de molho em água filtrada por pelo menos 8 horas, para facilitar o cozimento. Depois disso, basta cozinhar os grãos por alguns minutos em panela de pressão para que fiquem no ponto. Eles ficam deliciosos em saladas com folhas verdes, tomate e azeite. A pasta, feita com os grãos triturados juntamente com temperos também é saborosa e muito nutritiva.

segunda-feira, 25 de agosto de 2014

QUATRO ALIMENTOS QUE ESTÃO TE ENVELHECENDO RAPIDAMENTE:





Quatro alimentos que estão te envelhecendo rapidamente
20 de agosto de 2014

Devido as reações bioquímicas no corpo que ocorrem com cada tipo de alimento que você come em uma base diária, alguns alimentos envelhecem você mais rápido do que sua idade real, enquanto outros alimentos ajudam a combater o envelhecimento. Ingira os alimentos errados regularmente, e você pode se olhar e sentir 10 anos mais velho do que sua idade real (não é divertido!) ... mas ao comer os alimentos certos, ao longo do tempo, você pode começar a se olhar 5-10 anos mais jovem do que sua idade real.

Três dos processos que acontecem dentro do seu corpo que têm um impacto importante sobre a sua taxa de envelhecimento são chamados de "glicação", "inflamação", e "oxidação". Quando falamos sobre o envelhecimento, não estamos falando apenas de rugas na sua pele ou a espessura do seu cabelo ... estamos falando também sobre os fatores que você não pode ver, como o quão bem vão as suas funções de órgãos, e de suas articulações.

Sim, eu tenho certeza que você vai concordar que isso é muito mais importante do que apenas como você se olha superficialmente (embora nós vamos lhe mostrar como melhorar tanto internamente como externamente!)

Então, eu vou mostrar-lhe como a sua taxa de envelhecimento pode ser diretamente relacionada com os alimentos que você pode comer todos os dias, e como se proteger ...
Food # 1, que lhe envelhece mais rápido: Trigo (sim, mesmo "trigo")

Antes de eu lhe dizer por que o trigo pode realmente acelerar o processo de envelhecimento em seu corpo, vamos esclarecer a bioquímica de forma simples ...


Isto trata-se de "glicação" em seu corpo, com as substâncias chamadas de produtos de glicação avançada (AGEs).Estes compostos desagradáveis chamados de AGEs aceleraram o processo de envelhecimento em seu corpo, incluindo danos ao longo do tempo para os seus órgãos, as suas articulações, e, claro, a pele tornando-a enrugada.

Aqui está um fato pouco conhecido que muitas vezes é encoberto pelas campanhas de marketing em massa de empresas gigantes de alimentos. O fato é que o trigo contém um tipo muito especial de carboidrato (não encontrado em outros alimentos) chamado amilopectina-A, que foi encontrado em alguns testes, o açúcar no sangue ficou mais elevado com essa substância superando mesmo até o açúcar de mesa mesmo quando puro.

Isto significa que os alimentos à base de trigo, como pães, biscoitos, cereais, muffins e outros bens cozidos causam frequentemente níveis mais elevados de açúcar no sangue do que a maioria das outras fontes de carboidratos.Como você sabe , quanto mais elevados os seus níveis médios de açúcar no sangue estão ao longo do tempo, mais AGEs são formados dentro de seu corpo, o que o faz envelhecer mais rapidamente.

Em geral além do problema com as AGEs o trigo ainda possui glúten com os seus potenciais efeitos nocivos, somando-se a isso vem os produtos químicos cancerígenos como as acrilamidas que se formam na parte dourada de pães, cereais e bolos. lembrando que as acrilamidas também são encontradas em níveis elevados em outras fontes de carboidratos bronzeados como as batas fritas ou outros alimentos ricos em amido bronzeado.


Food # 2, que envelhece mais rápido: Milho, e alimentos à base de xarope de milho -, cereal de milho, flocos de milho, óleo de milho.

Esta é a variedade de coisas que você pode comer todos os dias ... estamos falando de chips de milho, cereais de milho, óleo de milho, e também o maior vilão prejudicial a saúde que deve receber a maior parte da atenção da mídia, é a frutose de xarope de milho (HFCS).

Bem, alimentos à base de milho em amido, como os cereais de milho, salgadinhos de milho, etc também têm um grande impacto sobre os níveis de açúcar no sangue e, portanto, podem aumentar a idade de seu corpo e acelerar o envelhecimento.

Mas aqui é mais um prego no caixão para o milho ... verifica-se que os cientistas descobriram que a frutose em HFCS provoca a formação de mais de 10x AGEs em seu corpo do que a glicose! Sim, é isso mesmo ... isso significa que os HFCS que você consome diariamente como bebidas açucaradas, e a maioria dos outros alimentos processados ​​contribuem para o envelhecimento mais rápido em seu corpo ... como se você precisasse de mais uma razão para evitar ou minimizar HFCS! Nós ainda não terminamos com milho ... fica ainda pior ...Outra questão importante com milho e alimentos à base de milho e óleos é que esses alimentos contribuem com quantidades excessivas de ômega-6 e ácidos graxos em sua dieta, o que causa um desequilíbrio no seu ômega-3 e ômega-6, razão que leva à inflamação e oxidação dentro de seu corpo..Meu conselho: Evitar ou reduzir a ingestão dealimentos à base de milho como: salgadinhos de milho e cereais de milho, tanto quanto possível. Estes não são tão maus como trigo em relação ao açúcar no sangue, e eles não contêm glúten prejudicial ao intestino como o trigo faz, mas eles ainda são ruins para você. Quando se trata de xarope de milho ou óleo de milho, evite, tanto quanto você pode, se você quiser ficar uma pessoa magra e jovem.


Food # 3, que envelhece mais rápido: açúcar, alimentos açucarados, alimentos ricos em amido certos

Mais uma vez, voltamos à relação entre os níveis de açúcar no sangue médios e picos de açúcar no sangue ao longo do tempo, e como isso pode aumentar os compostos de aceleração da idade chamados de AGEs em seu corpo. O açúcar é um exemplo óbvio a se evitar. Você já ouviu falar como ele é ruim para você umas mil vezes antes de muitas outras razões, incluindo sua cintura e desenvolvimento de diabetes tipo 2. Mas agora você compreenda também o efeito do envelhecimento do açúcar. Em vez de açúcar, considere usar um adoçante não calórico natural como Stevia em seu café diário , chá, na cozinha, ou necessidades de outros edulcorantes. Este dramaticamente ajuda a controlar a sua resposta de açúcar no sangue e, assim, ajudar a retardar o envelhecimento. Então, isso também significa que você deve pensar duas vezes sobre sobremesas açucaradas, cereais açucarados, doces e outras guloseimas que estão contribuindo para o seu envelhecimento mais rápido.Meu truque pessoal para satisfazer a minha vontade de comer doce é é ter apenas 1-2 quadrados de chocolate negro, depois do jantar, em vez de uma sobremesa completa normal que a maioria das pessoas escolhem. Você só tem cerca de 2 gramas de açúcar em 1-2 quadrados de chocolate preto ao invés de 40-80 gramas de açúcar para acelerar sua idade em um bolo típico, sorvetes, ou do tipo brownie de sobremesa.Tenha em mente que alguns alimentos ricos em amido, como o arroz branco, farinha de aveia e batatas brancas também podem ter impactos significativos sobre o açúcar no sangue e, assim, podem aumentar a formação de AGEs em seu corpo. Estes alimentos são mantidos melhor em pequenas porções, se você decidir comer, e equilibrados com gorduras saudáveis ​​e proteínas para reduzir a resposta de açúcar no sangue.


Food # 4, que envelhece mais rápido: óleo de soja, óleo de canola, ou outros "óleos vegetais"

Eu sei que estes têm sido comercializados a você ao longo dos anos por empresas de alimentos gigantes e dito como produtos "saudávei", mas se você entender um pouco sobre bioquímica vai entender a forma como esses óleos altamente processados ​​reagem dentro de seu corpo, você iria ver rapidamente como é falso essas idéias vendidas pelo marketing. Primeiro, nada de óleo de soja rotulados, óleo de canola, óleo de milho, óleo vegetal, ou óleo de algodão (estes estão em uma grande quantidade de alimentos processados ​​que você provavelmente come) na maioria das vezes passaram por um processo de refino sob calor extremamente elevado e há ainda a utilização de solventes químicos, tais como hexano.Isso deixa você com um óleo onde as gorduras poliinsaturadas tem sofrido uma série de oxidação e, portanto, são muito inflamatórias dentro do seu corpo, produzindo radicais livres, danificando as membranas celulares, contribuindo para o rápido envelhecimento, doenças cardíacas e outros problemas de saúde possíveis.Se você quiser evitar os efeitos nocivos à saúde causados pelo óleo de soja, canola, milho e outros "óleos vegetais", certifique-se para evitá-los tanto quanto puder, e em vez deles optem por óleos e gorduras saudáveis ​​realmente como azeite extra-virgem, óleo de abacate, óleo de coco virgem (uma fonte saudável de gorduras MCT).

Nota de Cassia: Mais sobre alimentacao


Nove alimentos que você nunca deve comprar e comer novamente


http://novocantodeluz.blogspot.com/2014/08/nove-alimentos-que-voce-nunca-deve.html





Adaptado de:
( via truthaboutabs.com )

disclose

segunda-feira, 18 de agosto de 2014

BENEFÍCIOS MÁGICOS DO MANJERICÃO!!!



PARA QUE SERVE O MANJERICÃO?

Sistema respiratório: tosse, catarro, dor de garganta, rouquidão, amigdalite.

Sistema digestório: má-digestão, náusea, prisão de ventre, cólica, falta de apetite, gases, aftas, enxaqueca.


Sistema nervoso: cansaço, falta de memória, ansiedade, insônia, inquietação.

Ótima para picadas de insetos e cicatrizar feridas.

As propriedades incluem ação antiespasmódica, digestiva, vermífuga, antibacteriana, adstringente, cicatrizante e anti-inflamatória.

Efeito espiritual: limpeza, através do banho de manjericão – prepare o chá com um maço em dois litros de água fervida. Após ferver, leve ao banheiro e coloque a erva. Espere ficar morno, retire o maço, coloque numa vasilha apropriada, tipo baldinho, e despeje sobre o corpo. Querendo pode incluir a cabeça.

MAS, O QUE É? - Planta medicinal, conhecida como Alfavaca, Basilicão, Anfádega e Erva-rea, cujo nome científico é Ocimum basilicum. A rainha das ervas gourmet, queridinha de todo chef de cozinha.

ONDE SE ENCONTRA - mercados, feiras, lojas de produtos naturais e viveiros de plantas, inclusive em saquinhos com sementes para você plantar em casa, num vaso a sua disposição.

TIPOS - Tem inúmeros, inclusive roxo e para saber é só fazer a pesquisa no São Google, escrevendo: manjericão tipos e benefícios.

CONSERVAÇÃO – Em vez de colocar na geladeira, coloque o maço fresquinho num copão de água.

MODOS DE USAR – Em chás: 10 folhas numa xícara de chá, água quente por cima, abafa, espera 10 minutos e toma morno após almoço e jantar, ou a qualquer hora do dia. Melhor tomar a qualquer hora a ficar emperrado em horários. Folhas cruas nas saladas e outros alimentos. Em sucos verdes. A culinária usa em pães, pizzas e tortas, qualquer tipo de massa e carnes, porém, o ideal não é cozida nem assada.

EFEITOS COLATERAIS – podem causar alguma reação alérgica em pessoas sensíveis a algum componente da planta. Você pode procurar por relatos na Internet.

CONTRAINDICAÇÃO - Durante a gravidez e lactação. Crianças até 12 anos, verifique antes de culpar o manjericão daquela pizza de glúten e queijos.